Yamaha perto de conquistar os principais títulos do BRMX 2019

O Aeroporto Internacional de Belo Horizonte, em Confins, MG, será palco da última etapa do BRMX 2019, nos dias 26 e 27 de outubro.

Yamaha perto de conquistar os principais títulos do BRMX 2019






Os pilotos da Yamaha Monster Energy Geração estão prontos para acelerar na grande final e empolgados para brigar pelos principais títulos da temporada.

Detalhe é que esta etapa terá três baterias decisivas, colocando 75 pontos em jogo, o que torna o título ainda mais disputado para todos que estão envolvidos na briga pela taça.

Confira os detalhes:

Campano rumo ao Hexa

Carlos Campano participou da primeira temporada completa de Motocross no Brasil em 2012, ano em que conquistou o primeiro título da principal categoria, a MX1.

Depois venceu os campeonatos de 2014, 2015, 2017, 2018, além de ter assegurado o vice-campeonato em 2013 e 2016.

Agora ele quer o Hexa. E se alcançar o objetivo, se iguala a Pedro Bernardo Raymundo, o Moronguinho, que nas décadas de 1970 e 1980 se tornou o maior vencedor da categoria principal do motocross brasileiro com seis conquistas (1976, 1979, 1980, 1981, 1982, 1985).

Fabinho e o Tri

A Yamaha também é líder na categoria MX2, com o piloto Fabio Santos, que é o atual campeão da categoria. A vantagem de Fabinho é maior, 29 pontos, mas ele ainda precisa confirmar o favoritismo para conquistar o Tricampeonato - também foi campeão em 2016 e 2018.

Paulo Alberto quer a taça
O português Paulo Alberto está apenas a um ponto do companheiro de equipe, Carlos Campano, na categoria MX1, e a um ponto da vitória na categoria Promocional Elite MX. Paulo jamais foi campeão brasileiro na categoria MX1 e sonha com o título nesta etapa.
Promocional Elite MX

Na etapa passada, realizada em Jarinu, São Paulo, a bateria da categoria Promocional Elite MX foi adiada por causa das condições da pista, visando a segurança dos pilotos. Por isso, todos correm três baterias em Belo Horizonte, sendo uma no sábado - referente a 6ª etapa - e outras duas no domingo, para concluir o campeonato.
Tallys Nathan na arquibancada

Piloto da Yamaha Monster Energy Geração, Tallys Nathan se lesionou na terceira etapa do campeonato, em Três Lagoas-MS. O piloto está recuperado, mas ainda fora da melhor forma para disputar o Brasileiro de Motocross. Ele estará presente em Belo Horizonte para dar apoio aos companheiros de time.

Previsão do Tempo
Um pouco de chuva não faz mal a ninguém, não é? A previsão do tempo mostra 8mm de chuva para sábado e mais 6mm para domingo. As temperaturas no sábado variam de 21ºC a 31ºC, e no domingo a mínima será de 21º e a máxima de 33ºC.

Classificação:

MX1 - Top5

1. Carlos Campano / 195 pontos - Yamaha
2. Paulo Alberto / 194 pontos - Yamaha
3. Jetro Salazar / 188 pontos
4. Hector Assunção / 176 pontos
5. Jean Ramos / 150 pontos - bLU cRU
 
MX2 - Top5

1. Fabio Santos / 222 pontos - Yamaha
2. Fredy Spagnol / 193 pontos
3. Leonardo Souza / 168 pontos
4. Reginaldo Tayt-Sohn / 131 pontos
5. Lucas Dunka / 125 pontos

Promocional Elite MX

1. Hector Assunção / 86 pontos
2. Paulo Alberto / 85 pontos - Yamaha
3. Jetro Salazar / 82 pontos
4. Carlos Campano / 82 pontos – Yamaha  
5. Fabio Santos / 64 pontos – Yamaha

As provas serão transmitidas ao vivo no canal oficial da Yamaha Racing Brasil - clique aqui para assistir.