Concessionárias divulgam mensagens

Foco da campanha é conscientização para os exames preventivos do câncer de mama

Concessionárias divulgam mensagens






Durante todo o mês de outubro, as concessionárias CCR ViaOeste e CCR RodoAnel, em conjunto com o Instituto CCR, estão divulgando mensagens nos painéis eletrônicos instalados na malha viária sob administração das duas empresas para sensibilizar os usuários das rodovias sobre a importância da prevenção do câncer de mama. Além disso, outra importante iniciativa das concessionárias será a entrega de material informativo durante os atendimentos nas rodovias. A ação integra o Movimento Outubro Rosa e tem apoio da ARTESP (Agência de Transporte do Estado de São Paulo). 

Estão sendo divulgadas as seguintes mensagens nos painéis: “Previna-se contra o câncer de mama. Procure seu médico e faça a mamografia”. Essas orientações e outros esclarecimentos também estarão impressos no material informativo que será entregue ao longo deste mês na base fixa do Programa Estrada para a Saúde, localizado no km 57 da rodovia Castello Branco, em São Roque, e ainda durante os atendimentos aos usuários das rodovias pelas equipes de inspeção de tráfego e guinchos. 

Somente no Brasil, foram estimados para este ano 66.280 casos novos desta enfermidade, o que representa uma taxa de incidência de 43,74 casos por 100.000 mulheres, segundo dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca). O câncer de mama é uma doença causada pela multiplicação desordenada de células da mama. É o tipo mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil, depois do câncer de pele não melanoma. Acima dos 35 anos, sua incidência cresce progressivamente. Cerca de 14 mil mulheres morrem anualmente no País por causa do câncer de mama, mas exames de rotina podem reduzir este número. Apesar de raro, este tipo de câncer também pode acometer homens, representando 1% do total de casos.

O movimento Outubro Rosa foi criado no início da década de 1990 pela Fundação Susan G. Komen for the Cure, nos Estados Unidos. A data é celebrada anualmente, com o intuito de colocar o assunto em pauta na sociedade, estimular a participação da população, empresas e entidades com ações que contribuam no combate à doença, além de compartilhar informações sobre prevenção, diagnóstico e tratamento para a redução da mortalidade.

Crédito: Alexandre Moretto