Honda comemora sucesso nos treinamentos

Empresa celebra o 50º aniversário de seus espaços destinados ao treinamento de motociclistas

Honda comemora sucesso nos treinamentos






Em 1970, quando o Japão estava em um estágio de rápido crescimento na taxa de motorização, a Honda se tornou a primeira entre as fabricantes de automóveis e motocicletas a iniciar atividades para promover a direção e pilotagem seguras ao estabelecer o Centro de Promoção de Condução Segura. Ao longo dos últimos 50 anos, o Centro expandiu suas atividades em todo o Japão e pelo mundo.

A Honda tem uma visão ambiental e de segurança voltada a "promover a alegria e a liberdade da mobilidade em uma sociedade sustentável na qual as pessoas possam aproveitar a vida". Para a concretização dessa visão, a Honda tem trabalhado sob o slogan global "Segurança para Todos", que representa a abordagem da empresa em proporcionar segurança e confiança não apenas para pilotos e motoristas, mas para todos que compartilham as vias.

Com essa abordagem de segurança no trânsito, a Honda está se esforçando para concretizar uma sociedade livre de acidentes e se comprometeu com iniciativas de segurança que incluem tanto o desenvolvimento de tecnologia quanto atividades de promoção de segurança com foco no comportamento das pessoas.

Filosofia e iniciativas da Honda para promoção de atividades de segurança no trânsito

Há 50 anos, a Honda tem promovido atividades com foco no comportamento das pessoas, voltadas para a promoção de um trânsito mais seguro, apoiando todos os envolvidos na mobilidade com o objetivo de aumentar suas experiências, conhecimentos e consciência.

O Centro de Promoção de Condução Segura tem se baseado em treinamentos práticos e teóricos, disponibilizados em diversas oportunidades, e desenvolvimento de softwares de simulação.

Um importante exemplo do compromisso da marca é o estabelecimento de sete Centros de Educação de Trânsito no Japão, que têm suas raízes no Centro de Educação de Trânsito do Circuito de Suzuka, inaugurado em 1964 e usado para treinar diferentes públicos. Na área de desenvolvimento de software, a Honda apresentou, em 1996, pela primeira vez, o Honda Riding Simulator.

Por meio dessas iniciativas e em cooperação com suas concessionárias de motocicletas e automóveis, empresas locais, governos e escolas, a Honda forneceu educação e treinamento voltado à segurança no trânsito para mais de 6,57 milhões de pessoas no Japão até o momento.

Desenvolvimento de atividades de segurança trânsito no Brasil

A Honda criou uma divisão dentro do Centro de Promoção de Condução Segura dedicada a facilitar a promoção da segurança no trânsito fora do Japão. Ao longo dos anos, as atividades foram se desenvolvendo globalmente e chegaram no Brasil nos anos 70, com cursos volantes de pilotagem nas principais cidades do país.

No final dessa mesma década, a empresa começou a trabalhar com a formação de instrutores nas concessionárias da marca e nos anos seguintes as atividades foram ganhando cada vez mais força, até a inauguração, em 1998, do primeiro Centro Educacional de Transito Honda, na cidade de Indaiatuba (SP).

As operações foram evoluindo e, em 2006, a Honda abriu as portas do CETH em Recife (PE), seguida em 2013, por Manaus (AM). As unidades promovem a conscientização por meio de treinamentos, palestras e test ride ao público brasileiro.

A Honda também trabalha em parceria com diversas empresas privadas e órgãos públicos, como o Corpo de Bombeiros, o Detran, a Polícia Militar e as Forças Armadas, e outros que utilizam a motocicleta como ferramenta de trabalho.

Atualmente, mais de 300 mil pessoas já passaram pelas atividades dos Centros Educacionais de Transito Honda considerando as palestras, cursos e ações educacionais realizadas. Além disso, por meio de iniciativas digitais, mais de 20 milhões de pessoas foram impactadas nas redes sociais da marca.

Histórico das atividades de Promoção de Segurança no trânsito da Honda

  • 1964: Inauguração do Centro Educacional de Trânsito no Circuito de Suzuka
  • 1970: Estabelecimento do Centro de Promoção de Condução Segura da Honda
  • 1972: Formação do comitê para promover as atividades de segurança fora do Japão
  • 1985: Abertura do Centro de Condução Segura em Singapura
  • 1994: Abertura do Centro Educacional de Trânsito na Tailândia
  • 1996: Introdução do simulador Honda Riding
  • 1998: Abertura do Centro Educacional de Trânsito Honda em Indaiatuba (SP)
  • 2006: Abertura do Centro Educacional de Trânsito Honda em Recife (PE)
  • 2013: Abertura do Centro Educacional de Trânsito Honda em Manaus (AM)

Sobre a Honda no Brasil

Em 1971, a Honda iniciava no Brasil as vendas de suas primeiras motocicletas importadas. Cinco anos depois, era inaugurada a fábrica da Moto Honda da Amazônia, em Manaus, de onde saiu a primeira CG, até hoje o veículo mais vendido do Brasil. De lá para cá, a unidade produziu mais de 25 milhões de motos, além de quadriciclos e de motores estacionários que formam a linha de Produtos de Força da Honda no País, também composta por motobombas, roçadeiras, geradores, entre outros.

Para facilitar o acesso aos produtos da marca, em 1981 nasceu o Consórcio Honda, hoje a maior administradora de consórcios do mercado nacional, que faz parte da estrutura da Honda Serviços Financeiros, também composta pela Seguros Honda e o Banco Honda. Dando continuidade à trajetória de crescimento, em 1992 chegavam ao Brasil os primeiros automóveis Honda importados e, pouco tempo depois, em 1997 a Honda Automóveis do Brasil iniciava a produção do Civic, em Sumaré (SP).

A segunda planta de automóveis da marca, construída na cidade de Itirapina (SP), foi inaugurada em 2019 e concentrará, a partir de 2021, toda produção dos modelos locais, enquanto a unidade de Sumaré se consolidará como centro de produção de motores e componentes, desenvolvimento de produtos, estratégia e gestão dos negócios do grupo Honda. Atualmente, 2 milhões de automóveis da marca já foram produzidos em solo nacional. Durante esses anos, a empresa também inaugurou Centros Educacionais de Trânsito, de Treinamento Técnico, de Distribuição de Peças e de Pesquisa & Desenvolvimento.

Estruturou uma rede de concessionárias hoje composta por aproximadamente 1.300 endereços. Em 2014, em uma iniciativa inédita no segmento, a Honda inaugurou seu primeiro parque eólico do mundo, na cidade de Xangri-Lá (RS). O empreendimento supre toda a demanda de energia elétrica da fábrica de automóveis e dos escritórios das cidades de Sumaré e São Paulo, reduzindo os impactos ambientais das operações da empresa. Em 2015, a Honda Aircraft Company anunciou a expansão das vendas do HondaJet, o jato executivo mais avançado do mundo, para o Brasil. Saiba mais em www.honda.com.br e www.facebook.com/HondaBR

Créditos: Mellina de Carvalho Agostinho / Tassia Rodrigues