Menos trânsito, atenção redobrada

10 Dicas para uma viagem segura com sua motocicleta.

Menos trânsito, atenção redobrada






O movimento nas rodovias recuou em média 18,4% em março, de acordo com a medição do índice divulgado mensalmente pela Associação Brasileira de Concessionárias de Rodovias e pela consultoria Tendências. O dado foi o pior desde a criação do indicador, em 1999, superando a queda observada durante a greve dos caminhoneiros de 2018.

Para quem precisa sair de casa durante a quarentena, isso se reflete em estradas mais vazias. No mês em que tradicionalmente é realizado o Maio Amarelo - campanha anual de segurança de trânsito - fica o alerta para a importância dos usuários manterem a atenção e o cumprimento das regras para uma direção segura.

"Como um serviço essencial para a população, mantivemos toda a infraestrutura de atendimento aos usuários em suas rodovias. Nos meses de março e abril, realizamos mais de 60 mil atendimentos médicos e mecânicos. Mas todos precisam fazer a sua parte. Neste momento em que deve se evitar ir aos hospitais e os leitos de UTIs precisam estar à disposição das pessoas com sintomas graves de coronavírus, é a hora de utilizarmos as vias com ainda mais atenção. Praticarmos uma direção segura é um ato de cidadania, assim como ficar em casa nesse momento", afirma o superintendente de Operação da Arteris, Ricardo Gerab.

Dicas para uma viagem segura com sua motocicleta

1. Direção segura é uma direção sem bebida. Se for dirigir, não beba!

2. Em caso de neblina, reduza a velocidade, use farol baixo e mantenha distância do veículo à frente. 

3. Não use o pisca alerta enquanto estiver trafegando nas condições de neblina.

4. Sinalize sempre as mudanças de faixa.

5. Só ultrapasse em condições seguras.

6. Use o acostamento somente em casos de emergência.

7. Sinalize com o pisca-alerta caso pare a moto no acostamento.

8. Leve sua moto para uma revisão antes de pegar longas viagens.

9. Verifique se todos os documentos estão em ordem.

10. Jamais dirija sem sua Carteira Nacional de Habilitação.


Como e Onde Anunciar a Venda de Uma Moto de Trilha na Internet

 

Essa é uma dúvida muito frequente: onde posso vender uma moto de trilha na Internet?

Se você está pensando em anunciar a sua moto, e não tem ideia por onde começar, saiba que existem sites específicos de venda, mas não basta só anunciar.

Tenha em mente que, principalmente na Internet, é essencial publicar boas fotos, de forma a despertar o interesse de fechar negócio.

Nesse artigo, veja algumas dicas de deixar a sua moto com a aparência de nova e qual são os melhores canais na web para aumentar suas chances de vendê-la o mais rapidamente possível.

 

Por onde começar...

O primeiro passo para vender uma moto de trilha na Internet é tirar boas fotos, pois é isso que vai chamar a atenção de um possível comprador.

E esse apelo visual é essencial, não importa se você anuncie em sites específicos de venda de motos ou em redes sociais.

Se você não tiver uma câmera profissional, não tem problema, desde que a câmera do seu celular tenha uma boa resolução.

Nesse caso, procure um lugar com muita luminosidade, e se for possível, escolha um ambiente ao ar livre, pois tem tudo a ver com moto de trilha.

E não se esqueça de tirar o máximo de fotos possível, sob todos os ângulos, e depois selecione as que ficaram melhores.

Além das fotos, faça um pequeno texto descrevendo as principais características da sua moto, por exemplo:

  • Quilometragem/horas de uso
  • Se tem algum acessório especial
  • Estado dos pneus (novos facilitam a venda)

Enfim, tudo o que você puder escrever para convencer a pessoa que está vendo seu anúncio que a sua moto é a melhor opção.

E aí vem a dúvida: onde devo anunciar?

 

Onde vender a moto de trilha na Internet

Hoje, as pessoas pesquisam tudo na Internet, e com as motos de trilha não é diferente. Comparam preços, o estado da moto, a quilometragem, horas de uso, equipamentos etc.

Como estamos passando por um momento atípico por conta da pandemia do novo Coronavírus, anunciar e vender a moto de trilha na Internet é o caminho.

É claro que existem sites específicos para isso, mas é preciso tomar alguns cuidados.

De repente, você anunciou a moto e vamos supor que uma pessoa se interessou. Você vai precisar se cercar de alguns cuidados, porque assim como existem pessoas de boa fé, a Internet está cheia de golpes.

Por isso, não passe nenhum dado pessoal, como número de RG, CPF ou endereço. E antes de fechar negócio, busque o máximo de informações sobre o possível comprador.

Uma outra maneira de anunciar a sua moto é postando nas suas redes sociais, e saiba que o Instagram é a que apresenta os melhores resultados.

Isso porque a base do Instagram está no visual, e sem falar que existem vários grupos de apaixonados por motos de trilha.

Assim como anunciar em sites, no Instagram, o seu foco será em captar as melhores fotos da sua moto e postar. E logo, começará a receber curtidas e contatos de pessoas interessadas.

 

E como vender?

Você viu que o caminho a seguir neste momento é anunciar na Internet, certo?

É claro que você mesmo pode tirar as fotos da sua moto e postar no Instagram, não tem mistério algum, desde que você siga as dicas que passamos acima.

Por exemplo, nós, da Revista PRO MOTO, fazemos o próprio marketing de nossas publicações, mas tem uma parte que terceirizamos, e deixamos nas mãos de uma agência de marketing digital em Goiânia, que é quem realmente tem domínio do assunto. Não é o caso para se anunciar a venda da sua moto mais na internet tem dicas bacanas que talvez sejam interessantes.

São profissionais que estudaram as melhores técnicas para despertar o interesse de usuários da Internet, e isso facilita muito o seu trabalho na hora de anunciar e vender a sua moto de trilha na Internet.

 

Sites para anúncio de venda de motos: 

 

Instagram para anúncio de venda de motos: