Francês Quartararo começa a mil por hora na MotoGP

Numa corrida repleta de quedas e falhas dos pilotos, Yamaha conquista as três primeiras posições. 

Francês Quartararo começa a mil por hora na MotoGP






Pela primeira vez desde a corrida de Phillip Island, em 2014, a Yamaha conquistou os três primeiros lugares do pódium. Fabio Quartararo foi totalmente dominante no Grande Premio Red Bull de Andaluzia, com Maverick Viñales em segundo e Valentino Rossi em terceiro. 

Quartararo largou na frente, e logo na primeira curta o português Miguel Oliveira caiu, durante uma confusa disputa, que envolveu Brad Binder e Bradley Smith. 

Quartararo, Viñales e Rossi pularam para a dianteira, abrindo uma ligeira vantagem para os dois pilotos da Pramac Racing: Jack Miller e Francesco Bagnaia. Rossi ultrapassou seu companheiro de equipe e se manteve em segundo lugar durante boa parte da corrida. Faltando 16 voltas, Bagnaia fez ótimas voltas e assumiu a segunda posição, que certamente seria sua colocação final, caso não tivesse sofrido uma pane em seu motor quando faltavam apenas 6 voltas. 

A temperatura na pista aumentou - literalmente - sob o calor escaldante da Andaluzia. Em algumas partes da pista foi medida a temperatura de 63 graus centígrados. Morbidelli fez uma corrida excelente, em busca do primeiro pódio, mas teve problemas no motor a nove voltas do final. 

Quartararo não cometeu erros e conquistou sua segunda vitória consecutiva, consolidando a liderança no campeonato. Viñales ultrapassou Rossi quando faltavam apenas duas voltas para o final e também está em segundo na classificação. Rossi completou o pódium, em seu Grande Prêmio número 235.

Marc Marquez participou da seção de treinos mas não esteve em condições de correr a prova, devido às instabilidades provocadas pela recente cirurgia no úmero. Seu irmão Alex Marques conquistou o oitavo lugar na corrida, que teve apenas 13 pilotos concluindo todo o trajeto. 

Após as duas etapas realizadas em Jerez, a MotoGP terá um fim de semana de descanso, antes da etapa de Brno.

TOP 10 - MOTO GP - Etapa 2
1. Fabio Quartararo (SRT da Petronas Yamaha)
2. Maverick Viñales (Monster Energy Yamaha MotoGP) + 4.495
3. Valentino Rossi (Monster Energy Yamaha MotoGP) + 5,546
4. Takaaki Nakagami (LCR Honda Idemitsu) + 6.113
5. Joan Mir (Equipe Suzuki Ecstar) + 7.693
6. Andrea Dovizioso (Equipe Ducati) + 12.554
7. Pol Espargaró (Red Bull KTM Factory Racing) + 17,488
8. Alex Marquez (Repsol Honda Team) + 19.357
9. Johann Zarco (Hublot Reale Avintia) + 23.523
10. Alex Rins (Equipe Suzuki Ecstar) + 27.091

Fonte: revistapromoto.com.br

Publicação: QMIX - Agência de Marketing Digital em Goiânia

Advertisement Advertisement Advertisement